sexta-feira, 30 de setembro de 2016

Opinião: "Desejada"







 
Título: Desejada
Autora: P. C. Cast 
ISBN: 9789895579341
Edição ou reimpressão: 07-2012
Páginas: 352


 



SINOPSE
Lina é proprietária de uma padaria Gourmet em Tulsa mas, infelizmente, o negócio não está a correr como esperado e ela precisa de um plano. Quando tropeça, acidentalmente, num livro de culinária italiana da deusa, Lina não consegue deixar de pensar que encontrou a solução para os problemas, mesmo que isso implique invocar uma deusa para salvar o seu negócio. Em breve, Lina encontra-se cara a cara com Deméter, que tem o seu próprio plano. Ela propõe que Lina troque a alma com Perséfone, a deusa da primavera, que irá dar uma nova vida à padaria. Em troca Lina terá que repor a ordem no submundo.
Depois de ocupar o corpo de encantadora Perséfone, Lina, cujos problemas eram massa azeda e segundos encontros, tem agora assuntos maiores em mãos, como levar a primavera ao mundo dos espíritos. Mas, quando o belo e perigoso Hades acende uma chama no seu coração, Linda não pode deixar de se interrogar se o senhor do submundo não será o homem dos seus sonhos…




OPINIÃO
Terminei a leitura deste livro a 23 de setembro de 2016 e dou-lhe quatro estrelas.
Estou a ficar fã desta série e gosto do retorno à mitologia e respetiva conjugação com o mundo atual, que a autora designa como “mundo temporal”.
Neste segundo livro em particular, Lina descobre que, afinal, o conceito de “Inferno” é muito diferente do que se julga. Tal como o próprio Hades, por quem se apaixona. Digamos que é dada uma roupagem muito romântica a um cenário e personagem frequentemente designados como “horríveis”.
O maior reparo que faço, e o elemento de que não gostei tanto, prende-se com a troca de corpos entre Lina e Perséfone, dado que já no primeiro livro isso tinha acontecido entre a sereia e a mortal. Achei repetitivo.
Vou passar à leitura do próximo ;-)

quarta-feira, 21 de setembro de 2016

Opinião: "Deusa do Mar"




FICHA TÉCNICA
Título: Deusa Do Mar
Autora: P. C. Cast 
ISBN: 9789895579860
Edição ou reimpressão: 02-2012
Editor: Edições Asa


SINOPSE
Christine Canady, CC, é sargento da Força Aérea e no dia do seu 25º aniversário, já depois de uns quantos copos de champanhe a mais, faz uma dança em cima do balcão do bar pedindo à deusa da terra um pouco mais de magia na sua vida.
No dia seguinte, o seu voo com destino ao médio oriente, num C-130, termina num desastre com o avião a despenhar-se no Oceano. Quando pensava que o seu destino estava traçado e a sua morte era certa, ela apercebe-se de que está a respirar debaixo de água e se encontra perante a mais bela sereia que poderia imaginar.
Concedendo à sereia o desejo de ser humana, elas trocam de consciência e em breve CC vê-se imersa nas intrigas da corte das sereias, e com dificuldade em resistir aos encantos do pretendente real. Mas, o desejo de voltar a terra vai fazer com que CC se cruze com o cavaleiro dos seus sonhos, vendo-se envolvida num arrebatador triângulo amoroso.




OPINIÃO
Acabei de ler este livro a 17 de setembro de 2016 e dou-lhe quatro estrelas.
Desde a série da Casa da Noite que não lia nada desta autora, mas foi fácil reconhecer a sua escrita. A expressão “ato contínuo” nunca foi tão usada, lol! É uma das marcas que permite identificá-la facilmente.
Gostei desta história. CC é uma mulher independente e respingona, que tenta afirmar-se num contexto de óbvio domínio masculino. No entanto, e ao mesmo tempo, é vulnerável; na minha opinião, demasiado. É apresentada como uma mulher que se esconde atrás de uma fachada dura, mas que, na verdade, é solitária, triste e carente. Gostava que fosse menos assim e a sua fachada fosse mais real. Às vezes custa-me ter uma mulher de armas e, afinal, é uma coitadinha que se esforça por esconder essa triste realidade de todos.
À parte disso, gostei da história romântica, da mistura da mitologia com a atualidade e da forma como os deuses antigos foram trazidos até aos dias de hoje.
Vou continuar a ler a série e passar já ao segundo volume.